Nascido em 14 de janeiro de 1909, em São Luiz do Paraitinga - SP, numa família cheia de habilidades, Elpídio dos Santos escolheu a música como sua preferida, mas sem deixar de lado outras formas de arte como esculpir, fazer mágicas e desenhar. 

 

   Mestre Alves, pai de Elpídio era maestro da banda Santa Cecília, e ensinou seu filho a executar todos os instrumentos da banda, para que, caso algum músico faltasse, ele o substituísse. Mas mesmo dominando a técnica de vários instrumentos, Elpídio escolheu o violão como companheiro e ferramenta para traduzir suas inspirações.

 

   A história do compositor é feita de inspiração e diversidade. Sem se limitar ao universo caipira, ele compôs choros, dobrados, marchinhas, sambas, valsas, foxes, entre outros. Teve suas músicas em trilhas de novelas, suas canções foram gravadas por muitos nomes da música brasileira e “Você vai gostar”, segundo pesquisa do Globo Rural, está entre uma das mais conhecidas do país.

   

   Outro marco na história de Elpídio é sua canção “Despertar do sertão”, que foi a primeira música brasileira a ser tocada na rádio “BBC” de Londres, interpretada pela dupla “Cascatinha e Inhana”.

 

   O compositor morreu no dia 3 de setembro de 1970, mas suas letras e melodias são executadas por artistas de todo o Brasil e principalmente pelo Paranga, grupo musical liderado por Negão dos Santos, filho de Elpídio.

 

 

 

Elpídio dos Santos e Mazzaropi

 

   O compositor sempre teve uma forte relação com o cinema. Ainda pequeno fazia a sonorização do cinema mudo de São Luiz do Paraitinga com seu pai. Mas foi só na década de 1940, que uma grande chuva promoveu o encontro de Elpídio com Amácio Mazzaropi. Na época Mazzaropi foi se apresentar em um circo em São Luiz, mas com o mal tempo, sua trupe musical não pôde chegar até a cidade. Elpídio soube do ocorrido e chamou seus irmãos e primos, todos músicos, para tocar no espetáculo.

   

   Desde então, a parceria entre os dois deu certo. Quando Mazzaropi estreou no cinema, chamou Elpídio para fazer as canções de seus filmes, e dessa parceria renderam 26 músicas de Elpídio em 19 filmes de Mazzaropi.

Biografia Elpídio dos Santos